atendimentos

BEM-VINDOS!

Orientações, consultas, partilhas e atendimentos: via skype ou presencial.

Para marcar um horário, escrevam para o email fernanda.manzoli@gmail.com

" Todos os tipos de relacionamentos proporcionam transformação, tomada de consciência e crescimento pessoal e espiritual "

Espero você para este sagrado encontro!!

Somos todos UM!

domingo, 10 de julho de 2011

Cristo Miguel Aton
Fala sobre Raiva e Perfeição
através de Jess Anthony


 
Tradução: Agaceene
Jess: Cristo Miguel Aton, eu peço que teça comentários sobre raiva, culpa e busca da perfeição. Estes temas têm me deixado com dúvidas e eu acho que ambos deveriam ser abordados.





CM: Jess, Eu estou aqui com você. Estes são dois temas diferentes, mas interligados, como você observou. Eu falo de perfeição, mas entendo que o Homem não é capaz de [atingir] esse estado. Eu peço tanto por conclusão como por resolução. O senso de equilíbrio e de realização do Homem está ligado ao seu senso de atingimento de uma meta ou de encontrar uma solução. Ele não sente o equilíbrio a menos que não tenha mais tarefas que estejam incompletas.





Eu tento a melhor resolução possível para as situações em andamento que o Homem tenha começado. Estas situações são complicadas por causas dos passos que Gaia deve dar para avançar rumo a sua ascensão a um novo nível de vibração. Estamos coordenando vários níveis de energia, onde cada um requer uma área distinta de operação. A energia da Terra, que você vislumbra com a previsão de desastres é um nível complicado. A complexidade dos esforços em outras áreas, como o setor bancário ou o controle militar, ainda têm um indigesto padrão de energia, que deve ser finalizado. As tentativas do Homem em manter estas iniciativas funcionando, estão impedindo uma diminuição pacífica desse arco de energia. Suas tentativas de última hora para manter o controle têm continuado com esta seqüência além do limite daquilo que deveria ter sido um fim natural. Qualquer opção possível é experimentada quase sem considerar as conseqüências periféricas.





Estou trabalhando dentro de uma agenda determinada pelas mudanças galácticas e cósmicas que foram planejadas pela Fonte e pelos seus representantes em Orvonton. Estou inteirado das escolhas, e Minhas determinações são influenciadas por essas outras num nível superior. Eu sou o criador e juiz supremo do meu universo de Nebadon, mas minha posição é, no entanto, coordenada com as decisões dos Meus supervisores. Eu tenho Meu próprio livre arbítrio nas escolhas para o meu universo, mas mesmo assim eles devem estar alinhados com as diretrizes de Havona e da Ilha do Paraíso.





Vamos continuar com as perguntas que você perguntou em si. O que é raiva? O que é culpa? Como isso é manifestado, e quem deve determinar qual autoridade fará o julgamento?





A raiva é uma reação baseada em memórias e experiências. É uma criação emocional que transfere a responsabilidade para alguém ou alguma coisa. A infelicidade ou a frustração procuram uma causa, e o Homem está programado neste momento para assumir a fonte do desconforto ou desequilíbrio que são externos.





Todas as reações são construídas em torno de decisões internas. Uma fonte externa não escolhe uma resposta individual. Uma situação é analisada e colocada em uma categoria composta de preconceitos e opiniões. Essas categorias desencadeiam respostas emocionais, que por sua vez desencadeiem ações ou reações.





Um indivíduo percebe uma situação, determina o grau de interação com o equilíbrio pessoal, avalia a extensão desta ruptura com base em experiências passadas, classifica-a, e começa a distingui-lo com reações emocionais. Essas reações emocionais vão desde a raiva até o desamparo. Com base nessas texturas emocionais, o indivíduo abre mão do controle pessoal em contrapartida à ameaça percebida. As reações podem ser um ataque ou uma rendição. A culpa é colocada sobre uma causa externa, e a raiva ou sensação de fraqueza é visto como uma defesa justificada.





Em cada situação a causa dos sentimentos é o indivíduo, não a fonte externa. Quando uma pessoa mantém o equilíbrio espiritual, a percepção do desconforto é visto como uma avaliação do contexto pessoal que precisa de um foco diferente. Algo interno precisa ser examinado e resolvido para evitar essa sensação de desequilíbrio. Por que é que a situação externa causa uma sensação de ameaça ou fraqueza? Que preconceito desencadeia essa reação? O que causou este preconceito, em primeiro lugar? Que experiências poderiam ter sido tratadas de forma diferente e resolvidas mais pacificamente?





Uma vez que esta questão central é percebida, um indivíduo pode liberar a energia negativa ao solicitar o alinhamento com a Minha Verdade e Luz. Quando esta questão central é liberado e limpa, a bagagem emocional desaparece. A perturbação externa não tira mais o poder pessoal e nem desencadeia um hábito emocional de defesa.





Muita coisa está acontecendo em vosso mundo exterior - ou pelo menos se mostra dessa forma com base nas informações que vossos sentidos são capazes de fornecer. As percepções são influenciadas pelas percepções dos outros, e descrita em termos que foram determinados pelos observadores à medida que as bandeiras vermelhas salientam hábitos emocionais pré-condicionados. É impossível que o Homem se liberte dessas manipulações emocionais, mesmo que ele tente se manter equilibrado.





Meu conselho é que reflitam antes de reagir. Olhem para a fonte da informação, analisem a descrição, mantenham um senso de perspectiva sobre as reações que possa causar nos outros, e explorem vossos próprios sentimentos emocionais antes de se lançarem apressados à ação ou de entregarem vossa resistência. Peçam por equilíbrio e alinhamento para saberem quais as medidas tomar. Não caiam automaticamente nas reações que são pré-condicionadas ou criadas pela própria informação.





Eu sou responsável pelo quê está acontecendo, e não os poderes da escuridão, ou as vozes vos dizendo como pensar ou reagir. A instabilidade política e os desastres naturais são apenas experiências, e não eventos que vão Me fazer perder o controle de minha criação. Eu não estou permitindo a destruição de tudo que será necessário para o Homem ascender com a Terra. Isso está determinado. Isso já foi decidido, e todas as assim chamadas ameaças, que vocês observam estão apenas gerando o medo em se tocar nos hábitos incutidos, que vos impedem de encontrar o equilíbrio espiritual e o alinhamento Comigo. Concentrem-se em Mim e ignorem o que estiver tentando gerar raiva ou culpa. Resolvam vossos problemas pessoais e avancem rumo à perfeição.





Cristo Miguel Aton

 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário