atendimentos

BEM-VINDOS!

Orientações, consultas, partilhas e atendimentos: via skype ou presencial.

Para marcar um horário, escrevam para o email fernanda.manzoli@gmail.com

" Todos os tipos de relacionamentos proporcionam transformação, tomada de consciência e crescimento pessoal e espiritual "

Espero você para este sagrado encontro!!

Somos todos UM!

domingo, 30 de setembro de 2012

VIAGEM À NAVE MÃE - PARTE 2

Mytre e os Arcturianos
Por Suzanne Lie PhD
Em 17 de setembro de 2012

MYTRE FALA:

Os Arcturianos não queriam interferir com a percepção pessoal de sua Nave Mãe.
Assim, eles me pediram para compartilhar minha experiência.

As experiências que compartilhei até aqui não foram na Nave Mãe.
Somente após eu concluir meu treinamento é que fui levado à Nave Mãe.

Porém, a pedido dos Arcturianos, estamos desviando de minha história por um momento para visitar a Nave Mãe deles.

Eu lhes contarei minhas percepções da Nave Mãe, sabendo que suas próprias percepções são tão válidas quanto as minhas.

Visto que a Nave Mãe Arcturiana é multidimensional, há inúmeros níveis na Nave.

Cada camada dimensional somente pode ser percebida por aqueles que calibraram sua consciência a essa frequência de realidade.

Se vocês ainda não se lembraram de como calibrar sua consciência a determinada dimensão, então essa área da nave simplesmente será invisível.

Felizmente, visitar a Nave Mãe conscientemente expande muito a sua consciência.

Na época em que fui convidado para visitar a Nave Mãe eu já havia recuperado a lembrança de muitas frequências do meu EU Multidimensional.

Entretanto, recuperar a lembrança de uma realidade não é a mesma coisa de realmente experimentá-la através dessa frequência de ressonância pessoal.

Vou falar das minhas experiências nas diferentes dimensões da Nave Mãe.


Seções tri e tetradimensional da Nave Mãe

Não existirão percepções tridimensionais da Nave Mãe, pois ela não existe nessa frequência de realidade. Vocês podem ter alguma percepção da nave em sua consciência tetradimensional, mas realmente é uma lembrança que entra através de um sonho, pois a nave não existe nessa frequência também.

Agora passarei às minhas percepções dimensionais da Nave Mãe. Por favor, lembrem-se de que estas são as MINHAS experiências, que podem ser bem diferentes das suas.

A nossa atenção é atraída para aquilo que é mais importante em nossas vidas. Portanto, cada um de vocês provavelmente terá experiências diferentes que dependerão de seus interesses maiores.

Dito isto, vou começar.


Seções pentadimensionais da Nave Mãe

Inicialmente sua percepção pentadimensional pode ser borrada, mas ao relaxar, vocês calibrarão sua atenção aos estímulos pentadimensionais.

Esta dimensão é basicamente uma área para visitantes, principalmente se os visitantes ainda mantiverem uma forma física.

Nesta área todos parecem ter uma forma, mas eles não são limitados a formas humanoides.

Se vocês estiverem apreensivos com encontrar um Ser numa forma que não humanoide, vocês provavelmente apenas visitarão a Nave em seu estado de sonho, onde vocês estão acostumados a ver formas de vida únicas.

Por outro lado, visto que os membros desta nave são todos pentadimensionais e acima, eles podem facilmente criar uma forma humanoide se sentirem que vocês estão assustados com seus verdadeiros invólucros.

Na primeira vez, normalmente, os visitantes irão para a Câmara de Restauração. Porém eles não receberão o tratamento completo que eu recebi, a menos se eles forem permanecer na quinta dimensão ou acima.

Seria chocante demais repentinamente receber um corpo 5D sem qualquer instrução sobre a utilização dele, e então retornar ao seu mundo físico. Por outro lado, muitos o fazem em bases regulares para gradualmente ajustarem-se a essa frequência de forma.

A nave em que eu viajava era basicamente pentadimensional, então eu estava muito adaptado a essa frequência de realidade.

Fui levado para a Nave Mãe com um grupo de outros "aprendizes" com que os Arcturianos estavam trabalhando. Todos nós conversamos enquanto esperávamos por nossos Guias específicos que nos levariam pela nave.

Quando vocês entrarem a bordo da Nave Mãe, vocês também receberão um Guia para garantir que sua experiência seja educacional sem sobrecarregar.

Eu, como muitos outros, fui treinado no processo de criar com os pensamentos e navegar com as emoções. Os Arcturianos estão muito contentes por tantos seres da Terra ("seres" porque nem todos os terráqueos na nave são humanos) conseguirem se controlar e usar seu imenso poder de emoção.

Inicialmente meu Guia me seguia enquanto eu seguia o "desejo" de minha emoção.

Meu Guia Arcturiano me disse que a emoção é uma forma superior de navegação que muitos não humanoides precisam aprender.

Disseram-me que os humanoides da Terra eram especialmente viciados em seguir suas emoções. Eram os extremos dessa realidade polarizada que os forçavam a "seguir seu coração", como disseram.

(Eu me refiro ao meu Guia como "eles", pois os arcturianos pensam em si na forma plural.)

Eu não era um terráqueo. Porém, os pleiadianos, que estão entre os principais ancestrais dos terráqueos, são bastante emotivos também.

Ser capaz de seguir minha intuição pela nave levou-me a muitas surpresas.
Por exemplo: eu frequentemente abria uma porta que levava a local algum.

Quando eu perguntava ao meu Guia sobre isso, eles diziam:
"Você terá que se calibrar a uma consciência superior para perceber além dessa porta. Porém, permitimos que você a abrisse porque demonstra que você está preparado para frequências superiores de realidade".

Como eu disse antes, há holosuites nesta dimensão e também Salas de Refeição com inúmeros tipos de nutrição, salas de reunião e salas de projeções.

As salas de projeções eram as minhas preferidas, pois eu podia olhar para fora da nave e ver as diferentes estrelas, constelações e galáxias. Nesta sala eu conseguia mudar a vista com meus pensamentos para enxergar aquilo que eu desejasse.

Além disso, quando eu expandia minha consciência para dimensões mais altas, eu podia perceber dimensões superiores de realidade através das janelas.

Vocês podem ou não estar cientes de que cada dimensão expõe uma apresentação totalmente diferente, mas coesiva, da mesma realidade.

Era nas Salas de Projeção que os novos visitantes treinavam suas percepções multidimensionais.

Com a prática eu pude ver qualquer área da galáxia e até além, por expandir minha consciência para frequências mais e mais altas.

É claro, eu queria visitar meu novo Mundo Lar, as Plêiades. Mas, eu tinha que expandir minha consciência para oitavas mais altas da quinta dimensão para concentrar a atenção em uma locação específica.


A Ponte

Toda dimensão da Nave Mãe tem sua própria versão dimensional da Ponte.
Então, para não interferir com o serviço importante da Ponte, nós a observávamos por um Visor.

Todos na ponte estavam telepaticamente conectados com a mente biológica da Nave. Eles não "dirigiam" a nave. É mais apropriado dizer que eles "consultavam" a nave.

O nome Nave Mãe é o termo correto, pois a nave se sentia como a Mãe de todos a bordo.

A nave ouvia todos os nossos pensamentos. Na verdade, todos na nave ouviam os pensamentos de todos, mas nós ouvíamos os pensamentos uns dos outros da mesma maneira como vocês ouviriam seus próprios pensamentos. A diferenciação entre cada pessoa era somente que eles usavam uma forma que parecia separada.

Porém, observando melhor, nós podíamos ver que o Campo de Energia UNO conectava todos a cada um dos outros e também à Nave Mãe.

O melhor exemplo disto é que seríamos semelhantes à imagem de lâmpadas separadas num longo cabo. O cabo conectaria todos nós a cada um dos outros e nos afetaria do mesmo modo. Mas, toda lâmpada teria sua própria e única maneira de expressar o que todas as lâmpadas estariam experimentando através do cabo.

Por haver Seres provindos de tantos mundos diferentes, todos na nave constantemente tinham a experiência de muitas, muitas versões de realidade.

Esta sensação de ser UM com todos ficou mais forte quando sintonizamos na Ponte.

Meu Guia me explicou que a Consciência de Unidade era o combustível da nave e que era a nossa Consciência Coletiva que mantinha a Nave Mãe operando.

Eu gostaria de lhes enviar toda a maravilhosa experiência de ser UM com a Nave Mãe, que era um mundo inteiro n'Ela Mesma. Sim, nós carinhosamente chamávamos a Nave Mãe de "Ela", tal como vocês chamam a Terra de Ela.

Na verdade, estar na Nave Mãe é muito parecido com estar em um planeta com total Consciência Planetária. Por Consciência Planetária eu quero dizer a habilidade de se sintonizar e se tornar UM com todos os aspectos do planeta.

Muitos de vocês na Terra, em seu "período de tempo", não estão cientes de que VOCÊS são o planeta, e é a sua Consciência de Unidade que abastece a ascensão d'Ela. Tal como todos na Nave Mãe são componentes do Ser vivente d'Ela, todos na Terra são partes do Ser vivente de Gaia.


A Ilusão de Tempo

Eu gostaria de tirar um momento para desviar da minha mensagem sobre a Nave Mãe e falar sobre a ilusão de Tempo.

Foi a bordo da Nave Mãe que pela primeira vez eu comecei a verdadeiramente entender o AGORA.

Enquanto estava nas Plêiades e também antes, minha vida parecia progredir de uma maneira sequencial. Com isto, eu quero dizer que cada dia e cada evento dentro desse dia pareciam progredir numa cadeia de percepções e ações.

Entretanto, assim que cheguei à Nave Arcturiana, a vida não mais parecia sequencial.
Em um momento eu me encontrava tendo uma experiência numa área da nave e então, de repente, eu estava fazendo alguma coisa numa área diferente.

Eu estava muito confuso com isto, mas quando perguntei ao arcturiano, ele somente disse: "Você somente é viciado em tempo".
Eu não fazia ideia do que isso significava, mas tinha certeza de que eu descobriria.

Entrarei nesse assunto assim que voltar à minha história, mas é suficiente dizer que dentro do meu AGORA, eu ainda estou na nave estudando a respeito da mente sobre a matéria.

Eu estou na Nave Mãe pela primeira vez, eu também estou nas Plêiades com Mytria e Alycia, estou combatendo na Guerra Galáctica E estou falando com vocês em seu período de tempo de 2012. Em outras palavras, eu sou Multidimensional.

Portanto, eu mantenho muitas linhas de tempo dentro de cada frequência do meu EU e posso "reproduzi-las" todas de uma vez.

Este conceito não é um que pode ser debatido facilmente. Na verdade, é quase impossível entendê-lo até vocês realmente terem uma experiência dele.

Mas, ao olhar a consciência de seu mundo atual, o que é bastante simples com a ajuda do Visor, eu posso ver que muitos de vocês estão começando a ter experiências deste tipo.

Muitos de vocês estão "piscando" fora de uma realidade para mudar para outra realidade com sua mente/pensamentos.

Então, seu corpo se assusta porque a Essência dele não está nessa realidade e VOCÊS são chamados de volta ao seu corpo.

Porém vocês voltam para seu corpo no segundo exato em que vocês o deixaram. Por isso, sua viagem fora de seu corpo terreno para outra frequência de realidade foi bem longa.

Mas, assim que voltaram para seu corpo no mesmo segundo em que saíram dele, vocês nunca saíram. Por outro lado, vocês lembram que foram para algum lugar, mas quando vocês estiveram para lá se vocês nunca deixaram seu corpo?

Isso tudo é muito confuso. Eu quero que saibam que assim que integrarem totalmente seu Sistema Operacional Multidimensional em seu cérebro, seu pensamento multidimensional os assistirá na resolução desse quebra-cabeça.

Cada um de vocês terá que encontrar esta solução dentro do seu Eu, pois esta é a glória da Terra. Gaia é muito diversificada, igual à Nave Mãe. Assim, sua maneira única de descoberta do EU é seu maior presente para o UM.

Eu voltarei dentro do AGORA para falar das outras dimensões da Nave Mãe.

Mytre


Fonte: http://suzanneliephd.blogspot.com/
Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com/
Respeite os créditos

Nenhum comentário:

Postar um comentário