atendimentos

BEM-VINDOS!

Orientações, consultas, partilhas e atendimentos: via skype ou presencial.

Para marcar um horário, escrevam para o email fernanda.manzoli@gmail.com

" Todos os tipos de relacionamentos proporcionam transformação, tomada de consciência e crescimento pessoal e espiritual "

Espero você para este sagrado encontro!!

Somos todos UM!

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

CRUZES A CARREGAR

 CRUZES A CARREGAR

Por Dr. Joshua David Stone.

  É importante entender que o planeta terra é uma escola, e uma escola muito difícil. Na verdade, este universo é difícil. Como você sabe, há um número infinito de Universos. O tema do nosso universo é “Coragem”, um tema muito importante para quem vive neste planeta.
    Todas as pessoas que encarnam neste Planeta e neste mundo têm as suas “Cruzes para Carregar”! No entanto, a cruz de cada um de nós é diferente. As nossas fraquezas costumam se concentrar em um dois de nossos corpos. Isso cria um determinado tipo de cruz, que só desaparece quando os aspectos mais fracos se fortalecem e se desenvolvem. As cruzes que carregamos podem vir de fraquezas Espirituais, de fraquezas mentais, de fraquezas emocionais ou de fraqueza do corpo físico.
    Durante a vida, o corpo físico pode apresentar milhões de problemas: uma das cruzes que precisamos carregar. A fraqueza emocional e a falta de treinamento psicológico podem ser uma cruz muito pesada. A fraqueza mental pode ser uma cruz enorme, pois são os nossos pensamentos que criam a nossa realidade. A fraqueza etérica geralmente vem de traumas, de infância ou de vidas passadas, e pode ser uma cruz a carregar durante muito tempo. Há, então, a fraqueza Espiritual e a falta de um bom treinamento, o que pode ser uma das lições mais difíceis da vida, pois o aspecto Espiritual afeta todos os outros corpos.
    Outras pessoas carregam outros tipos de cruzes mas todos tem uma, pois essa é a natureza da vida neste mundo. Algumas pessoas tem cruzes financeiras a carregar. Outras carregam a cruz de ter perdido pessoas que amavam. Há também desastres naturais, como terremotos, incêndios, tornados, furacões, deslizamentos de terras e inundações, para dar apenas alguns exemplos.
    Nem todas as cruzes que carregamos fazem parte do karma pessoal: elas podem fazer parte do karma coletivo e planetário. Os desastres planetários exemplificam esse ponto, assim como as duas Grandes Guerras Mundiais. Observe como essas guerras afetaram a vida das pessoas. Observe como as crises econômicas afetam a vida das pessoas.
    Uma coisa é certa: nem sempre a vida corre conforme as nossas preferências. A chave para viver bem, como disse o Senhor Buda em Suas Quatro Nobres Verdades, é não ter apegos. Mas, assim como é importante não ter apegos, é muito importante ter preferências superiores e procurar manifesta-las com toda a vontade do coração. Com isso, podemos ser felizes, seja qual for a nossa cruz.
     Outra chave para lidar com as cruzes é “transcender a dualidade”, ou seja, permanecer sereno em caso de perda ou lucro, prazer ou dor, doença ou saúde, vitória ou derrota. Seja você elogiado ou difamado, continue o mesmo! A felicidade é um estado mental, uma atitude e um ponto de vista: não é alguma coisa fora do eu.
     Uma das chaves para viver com sucesso é compreender que todos nós temos cruzes para carregar. Isso não significa que somos vítimas. Só é vítima quem deixa que as coisas externas, ou cruzes, lhe roubem a felicidade e a paz interior. Trago essa questão à tona porque muitas pessoas tem uma compreensão ingênua da vida. Como disse Paramahansa Yogananda: “Muitas vezes, a vida é um campo de batalha”. Para ter sucesso nesta escola de mistério planetária e mundial, é preciso ter uma atitude de Guerreiro Espiritual. Embora essa atitude seja ainda mais importante para quem pretende ter alguma liderança espiritual, ela vale para a vida em geral. Vale para uma vida em qualquer lugar deste universo. Para dominar as lições deste universo, temos que ter uma coragem enorme.
    Há um número enorme de obstáculos e armadilhas do caminho espiritual que cada discípulo ou iniciado tem que ultrapassar, estando sempre alerta. É preciso também, ter muita vigilância espiritual para que o ego negativo não contamine a nossa consciência. Há muita tentação neste mundo, assim como glamour e consciência de massa, a que é fácil ceder. Há, também, uma quantidade enorme de falsos profetas e falsos ensinamentos, que são fragmentados e desintegrados. Para se tornar um Mestre neste mundo, é preciso ter muito discernimento Espiritual, uma qualidade muito em falta no movimento da Nova era. Isso não é um julgamento, mas uma observação Espiritual.
    Uma cruz interessante, que é muito comum neste ponto da história da terra, é o processo de mutação Espiritual que os trabalhadores da luz estão atravessando. Os trabalhadores da luz que mais sofrem fisicamente, são os que tem o processo Espiritual mais acelerado. A enorme aceleração Espiritual e a enorme quantidade de Luz que entra neste planeta estão provocando muitas lições de saúde no corpo físico dos trabalhadores da luz. Alguém da terceira dimensão diria: “Esta pessoa está doente”. Mas a verdade é outra: como essa pessoa está avançando muito depressa no processo de Ascensão, isto é uma parte inevitável desse processo. Os Mestres me pediram para lhe dizer, meu Amado Leitor, que todos os que estão avançando Espiritualmente, no planeta Terra, têm que passar por isso. No nível pessoal e coletivo, essa aceleração não cria apenas um grande número de lições de saúde física, mas traz também uma sobrecarga emocional, mental e Espiritual.
   Os Mestres me orientaram a tocar neste assunto e a falar da questão das cruzes, que todos nós carregamos em níveis multifacetados, para que as pessoas tenham uma atitude mais realista com relação à natureza da vida na terra. Algumas tem uma atitude de Poliana: acham que a vida é uma tigela cheia de cerejas e que elas podem flanar por aí sem exercer o poder pessoal, sem proteção, sem vigilância, sem discernimento Espiritual e sem espírito combativo, esperando mesmo assim, que a vida corra bem.
Outras pessoas acham que são as únicas a carregar cruzes e a passar por grandes e desconfortáveis mutações Crísticas e Búdicas em seus veículos. Os Mestres me guiaram a escrever este capítulo pra que os trabalhadores da luz saibam que tais coisas não são verdade.
   Madre Teresa tinha sérios problemas de coração. São Francisco tinha graves problemas de saúde. O Dalai Lama sofria de uma grave hepatite. Na Terra, não há num único professor ou Líder Espiritual que não tenha sido testado e que não continuará a ser. Essa, meu Amado leitor, é a natureza da vida na Terra, especialmente nesta época tão acelerada da sua história.
   Cada um de nós recebe os testes e as lições que são perfeitas no seu caso: não há acidentes nem coinscidências. Tudo o que recebemos é perfeito para o crescimento de nossa alma e é como tal que deve ser recebido. Tudo o que nos acontece são lições ou testes Espirituais, que servem para determinar se conseguimos ou não manter a mestria, o equilíbrio, a consciência Crística e Búdica e o amor incondicional.
   Mais cedo ou mais tarde, cada um de nós passa por uma iniciação de Jô. Isso é necessário porque todos nós temos que nos livrar dos apegos para nos tornar Mestres Espirituais. O conhecimento dessas coisas faz crescer a compaixão que temos por nós mesmos e pr nossos Irmãos e Irmãs. Eu repito: esta é uma escola difícil e as coisas estão avançando muito depressa, em todos os níveis. A compreensão correta dessas questões pode tornar a vida mais fácil e mais alegre porque saberemos, então, que estamos tods juntos no mesmo “Barco” de DEUS!

do livro “COMO SE LIVRAR DE PENSAMENTOS E SENTIMENTOS DECORRENTES DO MEDO – Um Estudo Profundo de Psicologia Espiritual –
Volume 2. 
http://anjodeluz.ning.com/profiles/blog/show?id=867289:BlogPost:3106138&xgs=1&xg_source=msg_share_post

Nenhum comentário:

Postar um comentário