atendimentos

BEM-VINDOS!

Orientações, consultas, partilhas e atendimentos: via skype ou presencial.

Para marcar um horário, escrevam para o email fernanda.manzoli@gmail.com

" Todos os tipos de relacionamentos proporcionam transformação, tomada de consciência e crescimento pessoal e espiritual "

Espero você para este sagrado encontro!!

Somos todos UM!

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Gabriel

A DANÇA DO JULGAMENTO



 
Querido, quando você se dará permissão para viver sua vida de acordo com o que você sente que é certo?



Você se afastou da convenção para trilhar seu caminho em primeiro lugar e esta foi uma decisão empoderada.



Nós encorajamos que você faça isso novamente.



Há algum condicionamento antigo que é o que o está bloqueando de avançar na direção que você sabe que sente que é certa.



Quando você toma decisões baseado no que os outros irão pensar, você ainda está nas energias de julgamento.



Se você entende que esse julgamento não é uma energia empoderada, saia da dança do julgamento.



Você é o parceiro da dança do julgamento quando você opera no medo do que os outros pensam.



E isto fica complicado porque o que está emergindo é julgamento de almas em iluminação que dizem que se você vai se iluminar tem que fazer deste modo. Se você quiser ascender, você tem que seguir os passos a, b, c e d. Se você quiser curar, você tem que usar esta forma de cura, ou fazer esta forma de meditação.



Se você deseja ver quanto julgamento há entre os seres humanos em iluminação, verifique os comentários e debates que estão acontecendo em sua internet.



Esta é uma forma particularmente insidiosa de julgamento porque está vindo de seres humanos em iluminação e as pessoas tendem a dar a isto um peso maior.



É fácil nós ignorarmos o julgamento se ele vem de alguém que nós consideramos não ser qualificado.



Fica complicado quando vem de mestres ou outras fontes que você respeita.



O que significa entrar na sua mestria não é somente lembrar-se do que você sabe e aplicar; é lembrar-se de quem você é e viver isto.



Isto só pode ser definido através da sabedoria do eu.



Todo ser humano avançado que faz uma contribuição maior ao seu planeta não tem nenhum medo de trilhar seu caminho exclusivo.



É um aspecto vital estar em seu serviço mais alto.



Se sua alma continua reclamando para que você se mova em certa direção, honre isso.



Sua alma é seu sistema de orientação interno muito exato que simplesmente não o pode guiar errado.



Você não deve se autodesempoderar só para agradar os outros, porque eles muito rapidamente vão se esquecer de seu sacrifício, e a você será deixado para viver com as consequências.



Se alguém lhe diz que você deveria fazer alguma coisa e você sabe que essa coisa não é o propósito mais alto de sua alma, pergunte para si mesmo: “Eu gostaria de experimentar depressão, dor, ansiedade e coisas assim, enquanto esta pessoa cuida alegremente de sua vida?”



Porque é nisso que você irá terminar.



Isto irá conduzi-lo para um lugar muito doloroso, realmente, sem reconhecimento pelo seu sacrifício.



Ironicamente, as pessoas que fazem escolhas para receber louvores dos outros estão escolhendo um caminho que não pode lhes proporcionar isto.



Os louvores sempre vêm de manter sua cabeça erguida no seu próprio caminho exclusivo.



Jesus é tão venerado tanto tempo depois por essa razão.



O poder vem de ser leal a si mesmo e de honrar seu caminho como uma jornada sagrada, o que ele realmente é.



Você não pode dar sua contribuição exclusiva ao planeta de qualquer outro modo.



Você não pode ser o criador da nova terra sem primeiro ser leal a você e ao seu propósito. Entende?



Isto se resume em dar a você a aceitação, a permissão e o encorajamento que você se esforça para oferecer aos outros.



Arcanjo Gabriel através de Shelley Young






Mensagem canalizada do Arcanjo Gabriel

Por Shelley Young

Transcrito por Terri DeMarco

trinityesoterics.wordpress.com

Fonte: http://lightworkers.org/channeling/

Tradução: SINTESE

http://blogsintese.blogspot.com/

Respeite os créditos

Nenhum comentário:

Postar um comentário