atendimentos

BEM-VINDOS!

Orientações, consultas, partilhas e atendimentos: via skype ou presencial.

Para marcar um horário, escrevam para o email fernanda.manzoli@gmail.com

" Todos os tipos de relacionamentos proporcionam transformação, tomada de consciência e crescimento pessoal e espiritual "

Espero você para este sagrado encontro!!

Somos todos UM!

domingo, 19 de dezembro de 2010



A questão de NIBIRU, esses seres reptilianos alados, existem na verdade 3 raças diferentes dentro desse mundo, eram sustentados tecnologicamente e politicamente pelas forças de Plêiades. Eles tinham a

missão colonial na TERRA e em outros mundos, de aplicar a parte física dentro das colônias, pois eram seres de 4D e podiam atuar facilmente dentro de 3D. Portanto eram os responsáveis pelas manipulações

genéticas e pela mineração e exploração de todos os recursos naturais dos mundos que tinham sido colocados sobre a sua responsabilidade, como no caso ocorreu com a nossa TERRA.

No entanto os seres de NIBIRU tinham uma elevada dualidade e conceitos de ética muito dúbios, passando a abusar em todos os sentidos das colônias e dos escravos que tinham sido criados, via manipulação

genética . Os pleiadianos deram cobertura em muitas situações, por

questões políticas e por interesses, devido a pesquisa com a dualidade e

com o poder criacional dentro da dualidade. Aqui os códigos originais

de Lúcifer, mais uma vez passaram a ser desvirtuados e invertidos de

polaridade.

Os Annunakis passaram a ser assassinos e escravizadores em muitas etapas do processo, alem de seres sádicos, passaram a executar muitas experiências de inseminação artificial e estrupro dos humanos, o que

viria a criar as lendárias formas mitológicas de seres humanos com partes de animais, como o Minotauro, e muitas outras.



O povo dos Anunnakis se dividiu nos que aceitavam esse tipo de postura e nos que eram contra, isso levou a uma revolução e problemas internos de ordem governamental, mas os seres rebeldes por assim dizer, ganharam pela violência e dominaram os seres contrários a eles, isso viria a ser uma das etapas das antigas guerras dos deuses que se abordam nas escrituras derivadas das sociedades da antiga Atlântida.

O comando pleiadiano e siriano ao perceber que tinham sido negligentes, deram a ordem de destruir e aprisionar os rebeldes de Nibiru, o que com o tempo viria a dar autorização para a destruição da

Atlântida e extermínio dos gigantes e seres derivados das manipulações dos Anunnakis. Esses seres viriam escapar para civilizações intraterrenas e intraoceânicas antes da destruição da Atlântida.

Hoje os grupos de Nibiru, estão procurando resgatar seus antigos membros abandonados na TERRA e encarnados na mesma, temos hoje cerca de 4 milhões de Anunnakis encarnados na TERRA e mais uns 12 milhões presos na linha do umbral etérico. Além de uma civilização reptiliana de cerca de 6 milhões em diversos pontos da TERRA. Sendo que uma parte deles já fez contato com os EUA, através do SGS e muitos anos, e mantém relações técnicas e políticas muito fortes. Eles tem ajudado com tecnologia para sustentar o poder e os interesses do SGS, e com isso conseguir acesso a material genético humano para dar continuidade a seus interesses de aprendizado no que se refere a poder emocional e endócrino da espécie humana.

Eles ainda estão aprendendo sobre as emoções e todo o processo que isso gera, assim como os Grays e os Zetas também, a troca disso os SGS (Governo Oculto) exige tecnologia bélica e naves. Como já foi informado por vários canais, o SGS possui diversas naves de origem extraterrestre e as de produção própria, tudo conseguido a partir da base 51 e do caso Roswell.

O conselho de Nibiru esta querendo alem de resgatar, apagar evidencias dos erros do passado, devido as muitas auditorias que o conselho da Federação e das exigências da CONFEDERAÇÃO tem sido

direcionadas. Dessa forma o que eles querem é uma colaboração para poderem apagar seus registros de abuso de poder e conseguir influenciar a opinião publica para serem considerados os salvadores da humanidade, oferecendo tecnologia para salvar a TERRA do holocausto geológico e climático.

Tudo tem sido feito de forma premeditada para que o governo mundial os aceite e com isso passe o poder a eles.

Os seres da Confederação por sua vez, só irão interferir depois que a separação do JOIO e do TRIGO estiver feita dentro do coração de cada um.

Contatar os seres de Nibiru é uma regressão espiritual, pois eles nunca trilharam esse caminho, muito poucos deles buscaram esse caminho, e quando o fizeram, foram mortos pelos seus irmãos, de forma similar

ao que ocorreu com Jesus Cristo e muitos outros. Os seres de Nibiru que estão dentro da busca crística, não mais residem dentro dessa cultura que ainda é de 4D, já estão a viver entre as civilizações da federação

dentro de Plêiades e de outros quadrantes.

Aqui na verdade temos muita coisa a ser limpa e transmutada por atitudes e não somente por palavras. Portanto, acredito que deveriam sentir dentro do coração esse convite de contato com o conselho de

Nibiru, pois eles não são confiáveis e sempre deixaram claro a sua posição de poder e de superioridade sobre os humanos, e não respeitaram os paradigmas dos pleiadianos. Portanto, representam seres perigosos e mentirosos que no passado criaram essa imagem.

Nota – O governo Norte Americano dentro das instalações secretas tem um projeto avançado de retaliação e ataque as frotas desses seres. Quem aborda muito esse tema e tem dado muitos alarmes sobre eles é o

escritor e ex-membro das forças especiais da CIA VIRGIL ARMSTRONG. Essa pessoa é irmão do astronauta que esteve na lua Neil Armstrong, ele revela em seu livro publicado pela editora pensamento, creio que é Caminho para casa, não lembro, sobre esses seres e sobre as evidências do Governo para procurar efetuar um contra ataque mundial. Essa é uma das razões pela qual os EUA, tem distribuídos bases atômicas e de lançamentos de mísseis e o HAARP*, justamente para efetuar um contra ataque global quando eles chegarem com suas naves físicas e energéticas de 4D.


Fonte: www.rodrigoromo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário