atendimentos

BEM-VINDOS!

Orientações, consultas, partilhas e atendimentos: via skype ou presencial.

Para marcar um horário, escrevam para o email fernanda.manzoli@gmail.com

" Todos os tipos de relacionamentos proporcionam transformação, tomada de consciência e crescimento pessoal e espiritual "

Espero você para este sagrado encontro!!

Somos todos UM!

terça-feira, 17 de agosto de 2010

A Chama Trina, Sanat Kumara e a Construção de Shambala


A CHAMA TRINA



A poderosa Chama Trina é um “cálice sagrado” que temos no coração, o qual contém um átomo cuja estrutura é diferente do resto do nosso corpo. Esse átomo diferenciado materializa-se no momento da concepção, ou seja, no momento da fecundação do óvulo. Nesse momento forma-se a célula inicial que irá multiplicar-se dando vida a um novo ser. Nesse processo, quando o embrião está em formação, esse átomo portador da Chama Trina é ancorado dentro da estrutura celular que virá a ser o coração.



A Chama Trina é o nosso ponto de contato com a Fonte Universal que Tudo É (o Criador Universal, Deus). Ela permite conectarmos nossas vidas físicas, tridimensionais, com os planos mais sutis de existência, além de efetuarmos o controle energético dos nossos chacras. Por seu intermédio podemos garantir e manter nossa saúde física e espiritual. Além disso, a Chama Trina age como suporte da vida no plano material, e também é uma das mais poderosas ferramentas para nossa ascensão.



Os grupos ligados à Fraternidade Branca têm trabalhado com esta Chama em prol do despertar dos seres humanos, através de exercícios e da recitação de Mantras. Isso vem produzindo excelentes resultados, porém muitos seres humanos não têm acesso a essas informações, as quais deveriam ser divulgadas em todos os níveis da mídia mundial. Mas esse trabalho de divulgar o que os poderosos da mídia não têm permitido é o nosso serviço em favor da humanidade.



A Chama Trina é composta por três chamas, raios ou cores. À esquerda está a grande Chama Rosa, que é a manifestação do Amor Universal. Ao centro está a poderosa Chama Dourada, da sabedoria espiritual sobre o plano material. Finalmente, à direita está a poderosa Chama Azul, que é a expressão do poder divino que age sobre o plano material.



Quando unimos a Chama Rosa com a Azul, forma-se automaticamente a Chama Violeta, da transmutação e purificação. Devemos ter muito cuidado ao como trabalhar com a Chama Violeta, pois seu elevado poder de transmutação pode causar desequilíbrios psíquicos e emocionais. No entanto, é muito conveniente empregarmos as energias da Chama Violeta, para transmutarmos e acelerarmos nosso processo Cármico. A Chama Violeta deve ser empregada todos os dias, mas em combinação com as outras chamas. Assim poderemos requalificar e recalibrar nossos campos vitais, não permitindo que as ligações cármicas nos desequilibrem, mas sim transmutando-as de maneira que possamos apreender e compreender nossas falhas. Para isso devemos usar a seqüência correta de cores, de acordo com as nossas realidades e dificuldades pessoais.



Por exemplo: se utilizamos a Chama Violeta na cura de alguma doença como o câncer, depois de aplicá-la devemos usar o poder da Chama Verde da cura, para efetuarmos a regressão dessa doença, caso contrário estaremos na verdade acelerando o processo de manifestação da doença. Este é um exemplo simples que pode ser estendido a outras situações.



EXERCÍCO COM CHAMA TRINA



Aqui está um exercício para expandirmos a nossa Chama Trina, ensinado por Paz Victória e posteriormente complementado por Shtareer (Irmãos da Luz de níveis superiores), amplamente divulgado pelo irmão Rodrigo Romo:



Para facilitar a visualização, antes de iniciar o exercício você pode acender fisicamente 3 velas coloridas, nas cores dos raios da Chama Trina, de forma que possa ver a vela à sua frente durante a prática do exercício.



Sente-se ou deite-se numa posição relaxada.

Procure fazer com que sua mente fique em “estado de papel em branco”.

Visualize que seu copo está sendo banhado por uma brilhante luz branca muito intensa e tranquilizadora, deixando-o mais e mais relaxado, mais e mais leve.



Visualize agora a Chama Trina ardendo dentro do seu coração, no interior de um cálice ou então no formato de uma flor tríplice. Visualize nitidamente cada uma das três chamas da Chama Trina ardendo e vibrando como a chama de uma vela. Elas ardem mas não queimam.



Visualize uma Chama Trina grande em profunda expansão... sinta-se imerso nela e que cada um de seus raios, brilhantes e luminosos, está ativando as diversas partes do seu corpo.



ROSA:- Através da Chama Rosa expande-se o Amor Universal. Com sua expansão você sentirá uma imensa alegria e vontade de abraçar o mundo. Deixe que essa chama inunde por completo todas as células do seu corpo. Visualize cada órgão do seu corpo sendo penetrado e envolvido pela Chama Rosa. Desperte sua condição de ser amoroso e equilibre com isso a dualidade feminina e masculina. Permita que o Amor Incondicional da consciência Crística se manifeste dentro do seu coração e que se expanda para todo o seu corpo. Procure integrar-se com todos os móveis, plantas, minerais, tudo o que o cerca, assim você estará ativando sua capacidade de percepção extrasensorial através do Amor e sua conexão com as linhas geopáticas positivas do planeta. Nesta visualização você estará ativando sua ligação com a mãe Terra e com os Mestres Ascensionado, nossos Irmãos da Luz.



DOURADO:- Depois de expandir a Chama Rosa, faça o mesmo com a Chama Dourada. Visualize todo o seu corpo imerso nesta chama. Isso que trará à sua consciência e aos seus corpos sutis, a sabedoria contida no registro akáshico (que é uma espécie de arquivo que contém todo os registos de todos os acontecimentos do universo). Esta chama abre os portais de acesso aos seus registros, inclusive de vidas passadas, além de abrir o caminho ao conhecimento do seu Eu Superior (ou Eu Sou). Ao mesmo tempo em que visualiza sua imersão na Chama Dourada, sinta-se preenchido pelo Amor Incondicional deixado pela Chama Rosa. Sinta as qualidades positivas do universo e de tudo que o cerca. Entenda e sinta que você é um ser espiritual do universo. Pela ação da Chama Dourada você compreenderá as Leis Superiores que regem o universo e perceberá sua participação nesse contexto. Você compreenderá qual é a sua verdadeira identidade, além de esclarecer quais são as tarefas que você tem para realizar. Visualize a Chama Dourada na cor do ouro liquefeito, brilhando intensamente e impregnando todo o seu ser. Ela é um veiculo transmutador universal, a chama da sabedoria, não apenas do conhecimento racional, ela integra o poder do Cristo em ação.



AZUL:- Da mesma forma que as anteriores, visualize todo o seu corpo imerso na Chama Azul. Sinta-se imerso nela. Esta chama é a expressão do poder de Deus em ação, o poder de agir, de construir e de levar a efeito as energias geradas pelas outras duas chamas. A Ascensão é feita por qualquer uma das três chamas, mas a Chama Azul fornece a energia necessária para superar e vencer as limitações psíquicas de qualquer espécie. Esta é a chama do poder construtivo, alinhado com os parâmetros da criação cristica. Através dela você sentirá profundamente seu potencial e a capacidade de ser uma pessoa útil e positiva para a sociedade. Sinta-se disponibilizando suas potencialidades a serviço de atividades construtivas em benefício da humanidade, levando o Amor Incondicional e o conhecimento a todos os que precisam dele. A Chama Azul ajuda a ultrapassar as dificuldades da vida, a enfrentá-las de frente, sem esmorecer ou desviar-se de suas metas. Ela é a expressão do amado Arcanjo Miguel (também conhecido como Comandante Ashtar Sheran), que com sua espada de luz azul, a espada da justiça, está velando pela humanidade, na Terra e em outros planetas, defendendo os inocentes dos ataques das hostes negativas. Estimulando a Chama Azul em seu coração, você também poderá utilizar a sua espada da justiça e auxiliar a todos os que precisarem de sua ajuda.



Deixe que as três chamas da Chama Trina tomem conta de seu corpo e se expandam, até formarem um poderoso campo de energia ao redor do seu corpo. As três chamas ardem simultaneamente mas não se misturam. Visualize-a iluminando o local onde está fazendo o exercício, o teto, o chão, as paredes, os objetos, tudo.



Una agora a Chama Rosa com a Chama Azul formando a Chama Violeta e visualize-a transmutando suas dificuldades, suas limitações, seus atos, sentimentos e pensamentos negativos. Neste ponto é recomendável que você faça uma retrospectiva sobre o seu dia, sua conduta, seus relacionamentos, e sua vida em geral. Se houver algo negativo, ative a Chama Violeta, transmutando as coisas negativas em eventos positivos, impedindo que as energia negativas se expandam em você ou através de você. Desfaça completamente sentimentos como ressentimento, inveja, mágoa, ódio ou rancor com a Chama Violeta.



Elimine também as imagens de atitudes negativas que eventualmente tenha expressado. A gloriosa Chama Violeta é a expressão do amado Mestre Saint Germain, o Avatar de nossa Era. Faça isso num sistema de retrocesso de imagens, descriando com a energia da Chama Violeta cada um desses sentimentos, pensamentos e atos.

Enquanto você faz isso, tente permanecer visualizando a Chama Dourada ardendo no topo de sua cabeça. Deixe que a Chama Dourada, que brilha luminosa sobre a sua cabeça, restabeleça o equilíbrio penetrando e harmonizando todas as situações que foram limpas pela Chama Violeta. Isso garante que os processos de requalificação e de transmutação sejam equilibrados, e que aqueles problemas não voltarão a importuná-lo nunca mais.



Lenta e suavemente volte ao seu estado de consciência ativa, deixando que as energias da Chama Trina permaneçam sempre na sua consciência.



Pratique este exercício um vez por dia durante no mínimo sete dias. Você verificará que vai ocorrer uma sensível melhora em todos os setores de sua vida. Sua sensibilidade aumentará muito e você vai sentir-se muito mais tranqüilo e amoroso para com a vida. O exercício pode ser praticado antes de dormir, para requalificar as atividades diárias, ou pela manhã, conforme sua preferência, para preparar-se positivamente para um novo dia.

Esse exercício é muito eficaz e permite uma expansão notável da Chama Trina, além de um rápido crescimento consciencial. Ele vem sendo usado pelos membros da Fraternidade Branca há muitos anos.



O mais importante neste exercício é que você procure sentir profundamente que suas forças vitais estão sendo resgatadas, que você é um ser espiritual e que suas energias superiores tornam-se cada dia mais presentes e ativas em você. Mais adiante você aprenderá outros exercícios destinados a despertar as capacidades extrasensoriais que no momento estão desativadas.


SHAMBALA, SEDE DA HIERARQUIA ESPIRITUAL DA TERRA

Hierarca: o Grande Senhor GAUTAMA

Cor da Chama: Rosa, Ouro e Azul

Atributos: Persistência no Caminho do Meio

Musica - 6ª Sinfonia de Beethoven, opus nº 52

Canção Hindu de Rimsky-Korsakoff



O TEMPLO DO GRANDE GAUTAMA

sobre o Deserto Gobi



Shambala, situada na esfera sutil sobre o Deserto Gobi, é considerado o maior e mais suntuoso Centro de Luz espiritual da Terra. Há milhões de anos, ele foi construído fisicamente em uma ilha no Mar de Gobi. Quando naquele lugar, onde então se estendia um vasto mar, através de comutações planetárias, se desenvolveu o deserto, Shambala foi elevado a esferas sutis. Seu regente é "O Senhor do Mundo" GAUTAMA.



Originalmente Shambala foi consagrado ao grande SANAT KUMARA, que veio à Terra com amorável compaixão, quando a humanidade daquela época teve uma queda tão profunda, que o Conselho Cármico tinha resolvido a dissolução da Terra, porque ela não tinha mais razão de existir no Sistema Solar. Com seus auxiliares, ele se prontificou a salvar a Terra. A essa atividade ele se dedicou durante eras, até que, há alguns decênios atrás, seu então aluno - hoje GAUTAMA - se qualificou como seu sucessor e ele pôde voltar a Vênus, seu Planeta pátrio.



Aqui é guardado o poderoso Foco Ardente da Chama Trina para a Terra, que irradia para nós humanos o equilíbrio do Caminho do Meio, ensinando por GAUTAMA, enquanto ele permanecia na Terra como Buda - o equilíbrio de todas as Forças que partem dessa chama.



"Eliminem tudo que ainda existir em vocês em desejos e pensamentos humanos, purifiquem seus corpos inferiores, antes de chegarem aqui, pois é um lugar consagrado" assim reza a antiga mensagem.



É uma graça especial para o aluno da Luz, poder visitar Shambala. Em sua consciência superior, eles entram no maior e mais esplendoroso Foco Ardente da Terra, no qual está ancorada a Chama Trina para o Planeta. Desde tempos imemoriais ele abriga a sede da Hierarquia Espiritual. Seu regente é o "Senhor do Mundo", GAUTAMA.



A cada ano, no dia 30 de novembro, ele recebe a colheita da humanidade, isto é, o aumento de luz que as pessoas conseguiram acumular no decorrer do ano. Cada quantidade, por mínima que seja, é saudada efusivamente e ninguém fica sujeito a qualquer avaliação. Todos contribuem para aumentar a Chama de Shambala, que constitui o inesgotável elixir de vida para nosso planeta pátrio. Toda vida é alimentada por ele.



Com grande veneração, nos deixamos acompanhar para o mais sagrado de todos os Centros de Luz. Enquanto passamos por uma ponte, que leva ao verdadeiro Foco Ardente, observamos as cascatas de águas cintilantes e as flores de lótus, nas cores rosa, ouro e azul. Nos fundos, uma larga escadaria leva ao Templo, uma obra prima arquitetônica, feita de filigranas e substância opalina, criada pelas dádivas de Luz de muitos filhos e filhas divinos. Anjos e Seres protetores nos mergulham em Luz dourada a fim de aliviar-nos a adaptação à vibração em aumento. Depois de abertos os portões e podermos penetrar no interior, ficamos impressionados com a beleza sobrenatural. Por meio da recordação inconsciente da perfeição nos Reinos internos, no dia a dia muitas vezes vivenciamos grandes decepções, quando comparamos nosso ambiente e circunstâncias com essa perfeição.



Em Shambala, aprendemos o equilíbrio, o Caminho do Meio, que GAUTAMA ensinava, quando vivia na Terra como Buda. Sua estátua dourada na entrada mostra-nos o sagrado símbolo do lótus, com a pedra preciosa no meio, como o eterno Foco Ardente divino, que aumenta seu brilho constantemente, quanto mais o ser humano se unificar com ele. Harmonia e alegre serenidade, as características de pessoas evoluídas, é o que sentimos ao voltar para o cotidiano. Felizes e gratos proporcionamos ao nosso ambiente as bênçãos recebidas em Shambala e as disseminamos cada vez mais sobre a Terra.



SANAT KUMARA E A CONSTRUÇÃO DE SHAMBALA



Quando o planeta estava imerso em trevas, ele se ofereceu para sustentá-lo com sua própria Luz e instalou a Chama Trina no coração dos homens



Sanat Kumara é um Grande Ser de Luz, Regente do Planeta Vênus, cuja população vive em dimensões muito elevadas. É também é conhecido como Ancião dos Dias e Deus da Paciência. Seu complemento divino é Lady Vênus, co-regente do planeta Vênus.



Quando o nosso planeta estava imerso em trevas, ele se ofereceu para sustentá-lo com sua própria Luz e instalou a Chama Trina no coração de cada filho e filha de Deus.



Sanat Kumara é um Grande Ser de Luz, Regente do Planeta Vênus, cuja população vive em dimensões muito elevadas. É também é conhecido como Ancião dos Dias e Deus da Paciência. Seu complemento divino é Vênus, co-regente do planeta Vênus.



Após a "queda do homem", a Terra cobriu-se de uma nuvem escura e seu quociente de luz caiu tanto a ponto de as grandes hierarquias do universo se reunirem para decidir o destino dela, já que não irradiava o mínimo de luz necessário para existir como planeta de evolução.



Nesse grande conclave cósmico, Sanat Kumara estava presente e, para espanto de muitos, ofereceu-se para manter a Terra com sua própria luz até que as milhares de almas que aqui estavam para evoluir atingissem um nível satisfatório de crescimento espiritual. Ele assumiu o compromisso de só sair da Terra quando atingisse seu objetivo - além de preparar alguém para deixar em seu lugar. Isso levou muitos eons (milhares de anos).



Antes da chegada de Sanat Kumara, 30 Kumaras vieram para preparar o planeta e construir um local para recebê-lo: Shamballa, a Cidade Luz. Esses iluminados encarnaram muitas vezes. Guiados por sonhos e intuições, foram construindo Shamballa para receber o grande Pai Kumara.



A construção durou 900 anos, pois ela sofria ataques constantes e parte do trabalho caia por terra. Seu projeto é a réplica da Shamballa Vênus. Foi construída de mármore branco, num local da Ásia Central conhecido como Ilha Branca, que ficava num lago-mar sereno onde é hoje o Deserto de Gobi, na Mongólia. Era um lugar suntuoso, com jardins e muitas flores. Podemos ter uma vaga do que foi Shamballa a partir do Taj Mahal, construído muito tempo depois por Mestre El Morya em uma de suas encarnações na India, inspirado na arquitetura da Cidade Luz.



Concluída a cidade sagrada, Sanat kumara veio com uma corte de mestres, anjos e arcanjos. Uma grande cerimônia, que a Terra nunca tinha visto, aconteceu então. O Grande Kumara, com o auxílio de mais três, ancorou na Terra a Sagrada Chama Trina. Um dos Kumaras invocou o Raio Azul, o outro invocou o Raio Rosa e o terceiro invocou o Raio Dourado e Sanat Kumara fez uma síntese dos três, oferecendo-a à Terra e à humanidade. Imediatamente, a natureza se renovou, animais e plantas reviveram e cada homem na Terra sentiu uma faísca de amor arder em seu coração. E a Terra então começou a mudar.



Foi uma grande momento cósmico, e muitos irmãos das estrelas se ofereceram como voluntários para ajudar no grande projeto. Segundo os registros da Grande Fraternidade Branca, 9000 seres vieram imediatamente dos reinos humano, angélico e dévico. Segundo nossa contagem de tempo, Sanat Kumara e sua equipe permaneceram na Terra aproximadamente 16 milhões de anos.

Shamballa é o maior foco de luz da Terra, que ajuda a manter o equilíbrio energético do planeta. É é o lugar "onde a vontade de Deus é conhecida", como está escrito na Grande Invocação.



Assim que se fixou em Shamballa, Sanat Kumara fundou a Grande Fraternidade Branca, com a ajuda de dois grandes seres: Lord Gautama (conhecido mais tarde como "Buda" em sua encarnação como Príncipe Sidartha) e Lord Maitreya, o Cristo Cósmico. A partir daí, a Fraternidade Branca direcionou a evolução espiritual do planeta Terra sob a orientação maior de Sanat Kumara até que, com a entrada da Era de Aquário, o Ancião dos Dias pôde voltar ao seu planeta natal, já que a Terra já está no caminho sem volta da ascensão espiritual.



Segundo informações dos seres de luz da Fraternidade Branca e da Confederação Intergaláctica, até o ano de 2012 do Calendário Gregoriano, a Terra terá dado seu salto quântico para outras dimensões de luz.



Sanat Kumara, em cerimônia muito especial ocorrida em 1956, passou o seu cargo de Senhor do Mundo ao Muito Amado Lord Gautama. Shamballa está mais viva do que nunca, na Quarta Dimensão da Terra, esperando pela humanidade e pela grande ascensão planetária que já começou.



Para conectar-nos com Shamballa, sugerimos, em ambiente tranqüilo, com música suave, respirar profundamente pelo menos 3 vezes e recitar:



A Grande Invocação



Do Ponto de Luz na Mente de Deus

Flua a Luz às mentes dos homens

Que a Luz desça à Terra

Do Ponto de Amor no Coração de Deus

Flua Amor aos corações dos homens

Que o Cristo volte à Terra

Do Centro onde a Vontade de Deus é conhecida

Que o Propósito guie as pequenas vontades dos homens

O Propósito que os Mestres conhecem e servem

Do Centro a que chamamos Raça dos Homens

Que se manifeste o Plano de Luz e Amor

E sele a porta onde se encontra o mal

Que a Luz o Amor e o Poder restabeleçam o Plano na Terra

(fazer o mantra OM três vezes)



Ancoramento da Chama Trina

EU SOUAmor... EU SOU Amor... EU SOUAmor

Que tudo envolve na Chama Rosa

EU SOU a Fé... EU SOU a Fé... EU SOU a Fé

Que tudo movimenta no Raio Azul

EU SOU a Sabedoria... EU SOU a Sabedoria... EU SOU a Sabedoria

Que tudo conhece na Luz Dourada

Léa Cristina Ximenes
Terapeuta Facilitadora Universalista
Comente e compartilhe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário